Texto sobre depressão não é frescura

Da vida, sei poucas coisas, mas com o pouco que sei, escrevi esse texto sobre depressão não é frescura.

Dor na alma e cansaço da vida nada tem a ver com frescura. É uma dor intensa e inexplicável, que só sabe quem sente.

Só sabe quem sente o chão se abrir sob os pés, a boca secar de tanto nervosismo e o coração palpitar de ansiedade.

Só sabe como é a depressão quem desaprendeu como enxergar colorido, pois a vida se fez cinza, como em um piscar de olhos.

Só sabe como é essa dor, quando ela parece sufocar o pescoço e pausar a respiração.

Mas e como falar sobre isso, como pedi ajudar, quando muitos ainda acreditam que é “coisa de gente com a mente vazia”? É como alguns insistem em dizer “se tivesse uma pia cheia de louça suja pra lavar, não teria tempo pra isso”.

Será que entre tantas coisas no mundo, uma pessoa emocionalmente estável, escolheria sofrer? Se esconder em casa? Parar de sonhar e de perseguir os sonhos?

Será que uma pessoa ia querer se anular fisicamente e emocionalmente só para “chamar atenção”?

Te peço um favor. Se você está entre aqueles que duvidam que a depressão pode destruir uma pessoa e que isso não passa de frescura e sentimentalismo, guarde sua opinião para você. Pois desde cedo eu aprendi, que quando se abre a boca, duas coisas podem acontecer. Ou as suas palavras serão para abençoar ou para amaldiçoar.

Não queira estar do lado podre e egoísta da vida, onde estão todos os pré-conceituosos e desprovidos de coração.

Não é frescura!

Tenha empatia, ou seja, aprenda à se colocar no lugar do outro. E se fosse você que estivesse mergulhado em uma tristeza profunda, sem forças para sair do fundo do poço?

E se você não tivesse mais vontade de viver e se sentisse perturbado dia e noite por pensamentos suicidas? Você também acharia frescura pensar em tirar a sua própria vida?

Portanto, dê uma palavra amiga, ofereça o seu ombro, ajude à pessoa à encontrar soluções. Por exemplo, já pensou em falar para o seu amigo, parente próximo ou uma pessoa conhecida que está com depressão, em como ela poderia se cuidar?

Que legal se, com carinho, você dissesse: Ouça, estar depressivo não é vergonha nenhuma, por isso você precisa procurar ajuda e eu te ajudarei com isso, pois você é uma pessoa incrível e vai superar essa fase ruim. Você tem plano de saúde para buscar ajuda médica? Caso não tenha, eu vou procurar na internet por grupos de ajuda e clínicas populares!”

Entende? Você não precisa parar a sua vida ou gastar todo o seu dinheiro com uma pessoa, para ajudá-la! Basta você não julgá-la e respeitá-la, ainda que você não entenda. E além disso, se predisponha à ajudar como puder.

Certa vez, ouvi a expressão “doença não dá em árvore”, por isso ninguém está livre.

Imagem do texto depressão não é frescura

Esse texto de depressão não é frescura, é para refletir e espalhar amor!

Se você está com depressão, já teve essa doença ou conhece alguém que está passando por esse momento difícil, compartilhe essa mensagem no instagram como legenda de uma foto ou envie para as pessoas que precisam ler sobre isto.

Autoria do conteúdo: Site Viver em Frases - Regras para uso comercial

Nosso pensamento sobre a mensagem:

Elaboramos esse texto sobre depressão não é frescura, pois entendemos o quão é importante esse assunto ser discutido. Afinal, todos os anos, muitas vidas são perdidas para essa doença impiedosa. Contudo, é possível sim vencer e voltar à ter alegria em estar vivo. Esperamos que essa mensagem contribua positivamente na sua vida, seja qual for o momento que está passando.

Texto de tristeza profunda e sentimento de dor:Eu estou me sentindo um lixo. Talvez seja "pesado" falar isso, não é mesmo?! Mas é dessa forma que eu me sinto.É uma tristeza profunda, que invade a minha alma, dá um nó na garganta e um aperto no peito.Já chorei tanto, que as minhas lágrimas parecem ter secado. E agora, fico quase que estática, com os olhos saltados e sem nenhuma reação.Os motivos para eu me sentir profundamente triste, são tantos, que se eu fosse listar, deixaria de ser um texto de trizteza profunda, para ser uma lista interminável de justificativas infelizes.Me sinto humilhada e diminuída como pessoa. É como se a vida não tivesse a mínima compaixão comigo . Ás vezes só clamo por misericórdia divina. Pois só quero paz, só quero ficar no meu canto, com sossego e silêncio. Mas eu quero um silêncio que deixa a respiração tranquila e o coração calmo, e não um silêncio que ensurdece e tortura a minha alma.Me sinto totalmente incapaz, pois por mais que eu tente sair dessa vida, eu não consigo. Me falta força, capacidade, ou sei lá o que. Eu simplesmente não consigo mudar a minha vida. Eu não consigo deixar de ser isso que sou. Estou presa nos meus medos e complexos. Vejo que virei prisoneira de mim mesmo.Essa tristeza profunda que me preenche por inteiro, tem sido a minha companhia de muito tempo. Nem todos a perceberam, e ainda acreditam no meu sorriso falso. Mal sabem eles, que dentro desse peito, guardo muita mágoa, raiva, dor e angústia.A única coisa que quero agora, é a quietude de uma vida com paz. Mas enquanto essa vida não vem, só me resta a tristeza, e um enorme sentimento de dor.Se identificou com esse texto de tristeza profunda? Então reflita e compartilhe, pois outras pessoas também podem estar passando por esse momento. 
Eu pensei em escrever para ver se essa dor que sinto, se dissolvia. Mas agora que comecei à teclar, percebo que a cada nova letra teclada, mais essa dor me envolve.É uma angústia inexplicável, uma sensação de que mesmo eu estando viva, eu não me sinto, eu não me percebo. É como se eu apenas existisse, mas não vivesse de fato.Hoje eu, mais uma vez, estava olhando as redes sociais das outras pessoas. Pessoas que eu conheci, que já convivi e umas que nunca vi. Tantas vidas perfeitas, cabelos hidratados, corpos esculpidos, sorrisos largos, viagens incríveis, relacionamentos que fazem inveja até para os melhores filmes românticos... É tanta perfeição, que me faz não ter mais ânimo para olhar no espelho.E quando olho, não reconheço o que vejo. Afinal, quem é essa pessoa refletida no espelho? Meus cabelos bangunçados que nunca são penteados, a roupa velha e larga, as unhas por fazer e um semblante cansado e desesperançoso.Até quando sentirei essa dor? Clamo à Deus por ajuda, mas é como se eu sentisse que nunca mais vou conseguir me encontrar. Me sinto fraca, sem forças, feia, sem luz e uma ingrata.Ingrata porque vejo todas aquelas frases "prontas" dizendo que devemos ser gratos por estar vivos, que devemos correr atrás dos nossos sonhos, que devemos ser melhores... mais ricos, mais bonitos, mais saudáveis, mais felizes!Então me pergunto se eu sou a única pessoa nesse mundo, que está sentindo isso. E muitas vezes, acho que sou sim. É como se ninguém pudesse entender o que se passa em meu coração e na minha cabeça.E mesmo com toda a dor que sinto em minha alma, eu peço perdão à Deus. Perdão por ter me tornado uma pessoa derrotada, infeliz, ingrata e fraca.
Texto copiado! Agora você pode colar onde quiser.